Saiba como abrir uma franquia

As franquias configuram-se como excelentes alternativas para quem deseja abrir o próprio negócio e conquistar a independência financeira, mas sem precisar criar uma nova empresa, produto ou serviço “do zero”.

O empreendimento já vem todo formatado, basta dar sequência a ele.

mas afinal, como abrir uma franquia?

Se você está interessado em abrir uma franquia, veja quais são os passos para ingressar em um modelo de negócio como esse de forma tranquila e bem sucedida!

Escolha o segmento

As franquias são tendência, por isso estão presentes em praticamente todos os nichos. O primeiro passo é escolher com qual deles você gostaria de trabalhar, qual pode lhe trazer mais satisfação, pois isso faz total diferença na sua produtividade!

como abrir uma franquia

Alimentos, beleza, home care, aluguel de veículos… Que tipo de empresa que você gostaria de ter? Se a escolha está difícil, pesquise quais são os setores que têm apresentado maior crescimento, comportando-se como tendências de mercado.

Estabeleça quanto você pode gastar

Cada franquia tem um valor inicial que precisa ser investido, portanto, defina quanto você tem para investir.

Vai usar um dinheiro que já tem ou vai pedir um empréstimo? Em alguns casos, o investimento inicial não abrange todos os custos que você terá para abrir o negócio, fique atento a isso também.

RECEBA CONTEÚDO EXCLUSIVO NO SEU E-MAIL

Pesquise as opções

Depois de escolher o segmento de atuação e definir quanto você está disposto a gastar, é hora de pesquisar as opções que se enquadram nesse perfil.

Não tenha medo e nem preguiça de pesquisar muito! Use a internet a seu favor, na rede você encontra muitas informações sobre franquias e vá separando todas aquelas que forem do seu interesse.

Vale a pena fazer uma pasta (física ou no próprio computador) selecionando as franquias que podem ser uma boa opção para você. Depois de fazer essa varredura geral e separar várias delas, comece a eliminar de acordo com os fatores que considere mais importante.

Não se esqueça de ler as informações com atenção: além de um valor de investimento inicial, algumas franquias têm outras exigências, como por exemplo, um espaço com área determinada, funcionários e outros detalhes. São esses critérios que você deve analisar para eliminar as opções até que reste a franquia perfeita para você!

Pense nas despesas periódicas

Não pense que depois do investimento inicial você não terá mais gastos, pois as franquias têm custos de manutenção.

Algumas funcionam por home office e essas acabam sendo mais baratas nesse sentido. Mesmo assim, é importante fazer uma média do quanto você irá gastar por mês.

Normalmente, as franquias informam a partir de quanto tempo é possível começar a lucrar. É lógico que isso pode variar e depende de muitos elementos, mas já serve como uma base.

Burocracia

Informe-se a respeito da Lei de Franquias Nº 8955/94, pois ela detalha como funciona um contrato de franquia empresarial, o que cabe ao franqueador e ao franqueado, direitos e obrigações.

Tenha todo o cuidado ao analisar o contrato antes de assinar e, se possível, peça as orientações de um advogado. Vale à pena investir para ter certeza do que você está assinando.

0 COMENTÁRIOS

DEIXE SEU COMENTÁRIO