Como abrir uma empresa (passo-a-passo)

Para ser um pequeno empreendedor é necessário trilhar um caminho um tanto árduo. Algumas partes do trajeto possuirão buracos, mas basta foco no projeto para que a trilha seja desbravada de maneira inteligente e calma, e não às pressas. O dono de um pequeno negócio é um faz-tudo, um quebra-galho, um empregado pau pra toda obra.

Assim, o chefe precisa ser funcionário – o que é ótimo, pois quando a empresa crescer, ele poderá passar essa experiência aos contratados.

Portanto, o empreendedor precisa entender um pouco de tudo, saber os atalhos do caminho para o sucesso, da trilha árdua, porém recompensadora. Para isso, é preciso calma, jamais pressa, pois, assim como um caminho esburacado, o sucesso de uma empresa depende da inteligência em contornar as dificuldades e desbravar a segurança de um caminho livre.

Mas enfim, quer saber como abrir uma empresa?

Como abrir uma empresa

Siga o passo a passo para começar a uma pequena empresa.

Passo 1: Escolha o banco certo para financiar seu negócio

Filie-se a bancos que auxiliem o pequeno empreendedor com investimentos para a montagem do seu primeiro negócio. Através de negociações, é possível escolher o banco perfeito para o jovem iniciante no mundo do empreendimento. Taxas de juros baixas, empréstimos futuros, desconto para quitações, etc.

Passo 2: Consulte o Sebrae

O Sebrae é o braço direito do pequeno empreendedor. É um ótimo conselheiro para qualquer nível em que esteja o projeto da empresa. O Sebrae oferecerá dicas para a elaboração de um ótimo plano de negócios para a empresa.

RECEBA CONTEÚDO EXCLUSIVO NO SEU E-MAIL

Passo 3: Faça networking

Trabalhe junto com outras pequenas, médias ou grandes empresas da cidade. Participe de eventos, coloque sua empresa em evidência e seu produto à vista dos demais empresários.

Passo 4: Gerenciamento do inventário

Importante passo para a consolidação da empresa no mercado. O gerenciamento do inventário possibilita ao pequeno empreendedor que ele utilize, da melhor maneira possível, cada centavo ganho.

Passo 5: Organização sempre

Prezar pela organização é fundamental. E quando se fala em organização se fala em papelada e estética. O visual da empresa e a organização documental como um todo são importantes alicerces no futuro da empresa, tanto para atrair clientes como para controle do futuro do empreendimento.

Passo 6: Conheça seu negócio

É importante saber tudo sobre o negócio e produto. Conhecer a fundo cada pequeno detalhe que vira a ser tratado. Tornar-se um especialista sobre.

Passo 7: Obtenha uma licença

Busque sempre registros que o permitam trabalhar em determinada área de maneira legal. Registrar a empresa e manter todos os registros em ordem é fundamental para o andamento do processo de crescimento da empresa.

Passo 8: Contrate empregados com experiência

Os primeiros empregados devem chegar chutando o balde. Saber o que fazer e como fazer. Como agir. Ter a experiência de trabalhar na área e saber como contornar problemas através dos estudos recebidos no âmbito acadêmico. Caso o trabalho comece a ficar pesado, um estagiário é sempre uma boa opção para auxiliar os mais experientes e, consequentemente, adquirir experiência.

Passo 9: Ofereça referências

Crie um corpo de clientes satisfeitos com o serviço, procurando, através deles, recomendações de seus serviços prestados. O “marketing de boca” é o mais eficiente.

Passo 10: Defina o que é a empresa

O que ela vende? Como vende? Para quem vende? São perguntas que devem ser definidas para guinar o processo de crescimento da empresa.

Seguindo cada passo, o pequeno empreendedor terá a chance de, quem sabe no futuro, ser dono de uma grande empresa. Através destas dicas, com toda a certeza, cada buraco será muito mais simples de ser tapado e atravessado.

0 COMENTÁRIOS

DEIXE SEU COMENTÁRIO